ciclo lunar

Todos os posts com a tag ciclo lunar

Inspiração do Dia: 02 de Julho de 2012

Publicado 2 de julho de 2012 por Poema Querubin

E a segunda cavalga no lombo do centauro sagitariano, até daqui a pouco quando a Lua começa a subir a montanha acompanhada da esforçada cabra capricorniana. Véspera de Lua Cheia. É só a Lua enroliçar que as buchas desembucham, os pepinos vão para a panela ou para o lixo.

Versão delicinha das fases da Lua num trabalho de escola da coleguinha. Eu quero!

Dois dias antes, dois dias depois do ápice de rolicisse da Lua, pode reparar no clima de “vai ou racha” que invade os escritórios, salas de aula, redações, casas e segundas-casas da galera. O pacote da Lua roliça vem acompanhado de ansiedade, expectativa, agitação e claro, tensão.

É aquela velha história de ciclo que eu já falei por aqui algumas boas vezes e frisei na Moondance Series: a Lua Nova começa, a Crescente dá forma (ou elimina o que não serve), a Cheia culmina e a Minguante conclui, simples assim. Agora, se a criatura não pára dez minutos do precioso dia dela para observar os acontecimentos que a rodeiam e associá-los com o ciclo natural das coisas – tipo o lunar – todo esse papo das fases da Lua não vai fazer tanto sentido. Já disse e repito: sem observação, nada feito.

Lua e Marte discutiram logo pela manhã. Saturno apareceu para colocar cada um no seu lugar. Com Saturno em Libra o negócio pode ser lento, mas é justo: teu lugar é aquele que você merece, nada mais, nada menos, tudo a seu tempo. Não esqueçamos que Saturno é o senhor do tempo. A noite, Netuno mostra para a realista Lua em Capricórnio o sonho como ele é: inexplicável. Cada uma que a gente sonha…cada uma que a gente vive.

Ótima semana,

Inspire-se!

Ziriguidum de Inspiração: Lua Nova em Touro

Publicado 21 de abril de 2012 por Poema Querubin

Lua Nova é tudo de bom, fato. Já disse isso aqui, repito e repetirei quantas luas novas eu deslumbrar ao longo da minha vida linda. Adivinha só o que aconteceu hoje, dia 21 de Abril de 2012, exatamente às 07:18 da manhã? A própria, a digníssima Lua Nova!

Como já foi explicado na Moondance Series, a Lua Nova ocorre quando o Sol e Lua se encontram no mesmo grau de um mesmo signo, iniciando a lunação do signo em que ocorreu esse encontro. Lunação nada mais é que o nome do ciclo de aproximadamente 30 dias que a Lua faz ao se movimentar em torno do Sol, o que ocasiona as 4 fases lunares: nova, crescente, cheia e minguante.

A Lua Nova de hoje aconteceu no realizador signo de Touro. A partir de hoje temos a lunação taurina até a próxima Lua Nova, que será no signo seguinte, Gêmeos. Lua Nova delicinha essa: o gostoso Sol em Touro e o produtivo Marte em Virgem fazem ótimo aspecto. O poderoso Plutão em Capricórnio também acena de longe um “oi” simpático. Lua Nova gostosona essa, digo.

Quer ter um mês delicioso de tão realizador também? Aproveite a energia dessa Lua Nova! Como? Uma das maneiras é fazer o seguinte ziriguidum:

Numa folha escreva os desejos que você queira que se realizem nos próximos 30 dias. Duas coisas são importantes aqui: escrever os pedidos de forma sucinta e específica, e claro, utilizar o realismo taurino e bom senso que todos deveríamos ter para pedir aquilo que de fato é possível realizar de acordo com o seu contexto, as circunstâncias envolvidas, o momento de vida. Uma dica: Touro sabe ganhar um bom din din como ninguém.

Feito isso, é só visualizar o pedido realizado, colocar data e assinar seu nominho lindo. Pronto, está feito! E só fazer por onde e aguardar que seus desejos se realizem. Simples assim! Você tem todo o dia e a noite de hoje para fazer esse ziriguidum. Amanhã já não vale mais, aí só no mês que vem.

E aí? Vai fazer o seu?

Ótimo fim de semana de Lua Nova em Touro para você,

Inspire-se!

Moondance Series – Parte I – O Feitiço da Lua

Publicado 2 de fevereiro de 2012 por Poema Querubin

LUA ADVERSA

Tenho fases, como a lua
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua…
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua,
tenho outras de ser sozinha.

Fases que vão e vêm,
no secreto calendário
que um astrólogo arbitrário
inventou para meu uso.

E roda a melancolia
seu interminável fuso!
Não me encontro com ninguém
(tenho fases como a lua…)
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua…
E, quando chega esse dia,
o outro desapareceu…

Cecília Meireles

Seria essa sensação "tenho fases como a lua" exclusividade da Cecília Meireles?


A premissa básica da vida de qualquer ser vivo é exatamente aquela que aprendemos na primeira série: nascer, crescer, reproduzir e morrer. A Lua acompanha mensalmente esse ciclo ao nascer (Lua Nova), crescer (Lua Crescente), se  expandir (Lua Cheia) e morrer (Lua Minguante). A Natureza por sua vez segue o ritmo da Lua e é influenciada pelas nuances de cada fase, o que fica bem evidente na relação intensidade da maré x quantidade de peixes.


“A gente somo tudo animal” (by Robson Papaleo)

Como sempre meu querido professor me lembra em aula, nós – seres humanos – animais que somos também fazemos parte (ainda que não pareça, uma vez que constantemente a agredimos das mais diversas formas) da Natureza e portanto, também recebemos a influência das fases lunares em nossas mais que dignas vidinhas.

Complicada e perfeitinha…mulher de fases

O ciclo menstrual feminino por exemplo (se nós mulheres não fôssemos entupidas de dioxina* e pílulas anticoncepcionais) naturalmente segue o ciclo lunar: o óvulo surge na Lua Nova, se desenvolve da Lua Crescente, chega ao seu ápice de fecundidade na Lua Cheia e se não é fecundado, é eliminado na Lua Minguante para que um novo óvulo apareça e dê início ao próximo ciclo.

TPM, cólica e outros sintomas ocasionados por nossas “regras” mensais são apenas um puxãozinho de orelha da Natureza te lembrando o quanto desalinhada com ela você está.

Na virada da Lua ele nasce…

Sabe aquele seu sobrinho, primo ou até mesmo filho que estava marcado para nascer em determinada data mas resolveu chegar a esse nada admirável mundo alguns dias antes? Certamente a Lua estava no seu auge de iluminação e deu uma forcinha para que ele chegasse por essas bandas na hora em que ele naturalmente deveria chegar (e não porque a cesariana estava marcada).

Vira homem, vira lobisomem

Lobisomem existe e infelizmente a maioria não tem nada de Alcide. Saia num sábado a noite de Lua Cheia e duvido que você não vai trombar com lobos soltos por aí na caça por presas, uivando “ai se eu te pego” e afins. O mesmo vale para as lobas. E tantos lobos e lobas reunidos assim formam o que mesmo?      Além de uma alcateia, o cenário perfeito para que os instintos animalescos de sobrevivência sejam acentuados: a disputa por alimento e acasalamento. O bicho pega.

A taurina Cher e Nicolas Cage, em cena do filme “O Feitiço da Lua” (Moonstruck) de 1987

Aguarde os próximos versos da Moondance Series nos quais proclamarei sobre a Lua fase por fase.

Enquanto isso, inspire-se!

 *substância colocada em absorventes para que o fluxo menstrual seja intenso e assim haja maior consumo desse tipo de produto

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.615 outros seguidores